segunda-feira , 19 Fevereiro 2018
Home / Cidades / Prefeita de Arcoverde vai gastar mais de 4 milhões com locação de veículos

Prefeita de Arcoverde vai gastar mais de 4 milhões com locação de veículos

                  Já imaginou gastar R$ 4.297.200,00 (Quatro milhões duzentos e noventa e sete mil, e duzentos reais) com locação de veículos, sem motoristas e sem combustível? Ou seja: R$ 358 mil por mês? É o que a prefeitura de Arcoverde, que chora a crise que faz atrasar salários, vai gastar neste ano de 2018 para atender as diversas secretarias. São os famosos carros agregados, aonde alguns fazem a festa e muitos (os cidadãos) pagam a conta.

O valor foi especificado na homologação e extrato do contrato do processo licitatório nº 063/2017, através do pregão eletrônico 001/2017 publicado no Diário Oficial dos Municípios. A vencedora do certame foi a empresa Nordeste Construções Instalações e Locações LTDA ME. A homologação é de 29 de dezembro de 2017

Baseando-se no valor do aluguel de um carro em Recife, capital do Estado, aonde o valor de um carro importado, um Renaut Duster com cinco lugares custa R$ 64,00, o valor previsto para a prefeitura gastar daria para alugar 179 veículos deste tipo por 30 dias, com direito a seguro. Mas aí tem as caçambas, tratores, retros, tudo que a prefeitura tem, mas que também aluga aos próximos ao poder. Então dobramos o valor mensal para R$ 4 mil e mesmo assim teríamos 89 veículos locados mensalmente. Se formos bonzinhos e colocarmos na média uma locação de cada carro a R$ 5 mil teríamos 70 veículos locados todos os meses pela prefeitura de Arcoverde.

Contando que temos uma frota própria, 14 secretarias o que daria, no mais alto valor, 5 carros para cada uma, não será muito dinheiro para pouca prefeitura e muito carro para pouco trabalho? Curiosidade final: em 2017, a prefeitura gastou com o mesmo tipo de serviços a quantia de R$ 3.093.934,35 (três milhões e noventa e três mil, novecentos e trinta e quatro reais e trinta e cinco centavos). O novo valor corresponde a um aumento de 38% em relação ao contrato anterior, em nome da BPM Serviços LTDA. Será que é porque é ano eleitoral?

Mais água – Com o Requerimento subscrito pelos vereadores Vanderbio Quixabeira, Anchieta Crente, Gleybson Martins e Preguinho, o Vereador e Presidente da Câmara de Carnaíba, Neudo da Itã, solicitou ao prefeito do município e a Compesa o religamento dos chafarizes dos sitio Leitão e Cabelo. Os chafarizes encontram-se desativados e a população vem sofrendo muito com a falta do precioso liquido nas referidas comunidades. Segundo Neudo da Itá, o prefeito precisa dizer a que veio e olhar com mais atenção para as comunidades que sofrem com a seca que vem castigando a região a ano. O povo precisa de água, água é vida, concluiu Neudo.

Vereadora poderosa – Em Arcoverde, cidade aonde 50% da Câmara Municipal é dominada pelas mulheres, tem uma vereadora que demonstra ser mais querida do governo. A referida parlamentar, além de ter garantido uma filha em dois empregos na área social, ainda garantiu uma neta, recém emancipada, ou seja, com 18 anos, com um cargo na Prefeitura. Já nomeada. Quem não queria uma vó dessas? Segundo fontes palacianas, a parlamentar, que tem salário de R$ 10.500,00 como vereadora, passa dificuldades. Imagine os desempregados de Arcoverde e os professores contratados que tem salários atrasados o que não passa; isso sem valor com quem sonha com um simples concurso para ter um emprego. Vai ter que concorrer a função de neto, ou neta. Vale lembrar que, apesar de ter cinco vereadoras na Casa James Pacheco, tem uma (Zirleide Monteiro) que é da oposição e com certeza não foi a contemplada.

Tempo é Dinheiro – Depois de quase 11 meses, dia 29 de dezembro, a prefeitura de Buíque publicou o extrato de contrato do processo licitatório nº 012/2017, tipo carta convite nº 001/2017 referente a execução de serviços técnicos de manutenção dos revestimentos externos dos prédios públicos do município de Buíque (pintura), sinalização horizontal de vias públicas nesse município (pintura de faixas e estacionamentos) e recuperação do relógio da praça do centro. Sabe quanto custou botar a tinta nas paredes, no chão e o relógio para funcionar? A bagatela de R$ 125.001,32. Valor bem acima do modelo convite.

Professor valorizado – Em Flores, o prefeito Marconi Santana, enviou em caráter de urgência, à Câmara de Vereadores o PL – Projeto de Lei 003/2018, que garante aos professores da rede municipal de ensino o recebimento do piso nacional do magistério de R$ 2.298,80 (dois mil, duzentos e noventa e oito reais e oitenta centavos), para 40 horas semanais. O reajuste é de 6,81% e atende a Lei Federal nº 11.738/2018. A elevação coloca Flores, como o primeiro município que cumpre a aplicação do Piso Nacional do Professor. A majoração do salário entra em vigor a partir desse mês, janeiro. Em Arcoverde, nem notícia.

Privacidade aberta – Por medida de segurança recomenda-se que os números de CPF e RG das pessoas não sejam disponibilizados abertamente para que 171 não os utilizem indevidamente levando prejuízo aos donos dos documentos. Pois bem! A divulgação dos feras aprovados para receberem as bolsa do Proupe na Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde foram divulgados com os dados completos: nome, CPF e RG, contrariando as medidas de segurança e a privacidade fiscal dos estudantes. Tá tudo lá, no site da AESA, com link pronto para baixar. É hora de consertar. Na foto, encobrimos os dados dos alunos.

Atendimento precário – É o que vários empresários relataram ao site da Folha sobre o atendimento telefônico da Diretoria de Rendas e Tributos de Arcoverde, a DIRT. Pelo menos uma empresa de comunicação, outra da área de saúde e uma de veículos tenta falar com alguém da DIRT pelo telefone nas primeiras horas da manhã e nada. A última foi da empresa de saúde que ligou por volta das 08h30 e ficou 40 minutos com o telefone atendido, sem ninguém falar com o proprietário, mas as conversas das novelas corriam soltas pela linha telefônica aberta.

Itaíba empreendedora – Inaugurada já no final de 2017, a Sala do Empreendedor de Itaíba, que tem à frente o vice-prefeito Valdo do Pipa e o agente de desenvolvimento Marcelo Pilota, começou a funcionar plenamente agora em janeiro. Os primeiros a se legalizarem através da Sala do Empreendedor foram os micros empreendedores individuais Geraldo Alexandre da Silva e Maria Valcione Vireira. Os dois agora estão aptos a gozarem os benefícios do MEI.

Foto denúncia – Apesar de gastar mais de R$ 3,5 milhão com a empresa de limpeza urbana, a cidade perfeita não chegou ao São Cristóvão, mais precisamente a rua Félix de Paiva, a Rua do Peba. Lá, um amontoado de entulhos e lixo “embelezam” a rua e atrai bichos e insetos. A foto tá lá no Arcoverde Sem Ação.

 

Veja Também

Maia e ministro da Defesa discutem intervenção no Rio

                  O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *