segunda-feira , 19 Fevereiro 2018
Home / Destaque / Ave teria provocado queda do Globocop no Recife

Ave teria provocado queda do Globocop no Recife

             Moradores do bairro do Pina, na Zona Sul do Recife, afirmaram que uma ave teria provocado à queda do Globocop, aeronave da Rede Globo Nordeste, deixando pelo menos dois mortos no início da manhã desta terça-feira (23.01). Momentos antes da queda, o telejornal matinal da emissora de televisão, o Bom Dia Pernambuco, mostrava que o dia começou com muita chuva na capital pernambucana. Pouco após o início do programa, a aeronave caiu. Três pessoas estavam no helicóptero.

Os ocupantes eram funcionários da empresa que presta serviços para a TV Globo. O comandante Daniel Galvão morreu na hora. Uma mulher, identificada como sargento Lia, foi socorrida com vida, mas morreu enquanto recebia atendimento em uma ambulância do Corpo de Bombeiros. O operador de transmissão Miguel Breno Pontes Simões, de 21 anos, foi socorrido e está em estado grave no Hospital da Restauração.

Um dos donos da empresa terceirizada Heliase, que presta serviço para a Rede Globo, o capitão Wagner Monteiro é também pai do operador Miguel Breno, que foi resgatado com vida e levado para o HR. Na unidade de saúde, ele deu informações iniciais que recebeu sobre o acidente e afirmou que a aeronave tinha feito revisão recentemente. “Trabalhamos com o Globocop há 15 anos e nunca aconteceu sequer um incidente. Ele tinha acabado de sair de uma revisão e com a parte documental toda em dia. Falam em uma ave e outras coisas, mas não sabemos ao certo o que aconteceu. Sabemos que um helicóptero não cai assim, mas estamos aguardando informações”, disse.

Ele detalhou o serviço que era feito com o Globocop. “A gente voa com piloto, às vezes repórter e um operador de sistema que comanda a câmera. Eu particularmente ontem (segunda-feira) voei o dia inteiro neste helicóptero. Fiz o Bom Dia Pernambuco e o NETV1”, lembrou.

Veja Também

Maia e ministro da Defesa discutem intervenção no Rio

                  O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *