segunda-feira , 19 Fevereiro 2018
Home / Cidades / Panorama: Câmara e a certeza do último suspiro do PSB em Pernambuco

Panorama: Câmara e a certeza do último suspiro do PSB em Pernambuco

                   Um deputado da base governista de Paulo Câmara, que não é do PSB, disse que muita gente não pula para a oposição porque ninguém quer trocar o certo pelo duvidoso. Talvez a única certeza que tenha desse governo é a de que ele é o maior recordista nos índices de violência da história de Pernambuco. A pesquisa do instituto Múltipla comprovou bem isso que o povo pernambucano não quer apostar no chamado “certo”, como apregoa o parlamentar governista.

Os números traduzem todo esse sentimento do povo de Pernambuco que deu ao governador, já considerado o pior da história, apenas 16% de intenções de voto. O pior índice para quem tem nas mãos mais de 100 prefeitos e uma máquina chamado Estado. Para complicar, 63,5% dos entrevistados pela Múltipla disseram que não votam em Paulo Câmara. Uma rejeição recorde, como apregoa o herdeiro dos Campos: é um governador recordista.

Por outro lado, as oposições, somadas, tem em intenções de voto um total de 53%. Ou seja, mais de três vezes as intenções do voto do governador, o que se vislumbra o início do fim dos socialistas no poder em Pernambuco. Se ainda há esperança nos governistas de reforçarem os números com os indecisos ou os que não sabem, esses somaram apenas 7,5%.

Por fim, a pesquisa aponta que Pernambuco já escolheu um caminho, e não é o chamado “certo”, o atual, mas o da mudança e o senador Armando Monteiro (PTB) desponta em meio as opções oposicionistas como o nome mais forte para representar a virada política na história de Pernambuco em 2018, trazendo também como novidade a vereadora Marília Arraes (PT). Essa última a única esperança do PT conseguir refazer sua bancada de deputados federais e estaduais. Se coligar com o PSB, promove um suicídio. Já o senador Armando, com um leque de partidos aliados, começa a consolidar sua liderança e despertar no eleitor a oportunidade de pôr fim ao ciclo socialista.

Dando lição – Depois de Flores, foi a vez da Prefeitura de Carnaíba, através da Lei Municipal Nº 964/2017, colocar em pratica o que determina o artigo 6º da lei Federal Nº 11.738/2008 que estabeleceu o Piso Nacional do Magistério do município. O reajuste contempla os salários dos Profissionais do magistério, inclusive aplicando todos os reajustes do piso nacional do magistério que passou a ser à base dos vencimentos dos professores de Carnaíba-PE. E em Arcoverde? Mistério…

Água no Petrópolis – Enganados duas vezes, em 2012 e 2016, com falsas promessas das campanhas da atual prefeita, mais de 35 famílias do Jardim Petrópolis finalmente vão poder ter água em suas casas. Semana passada, a pedido da vereadora Zirleide Monteiro (PTB), a Compesa promoveu a colocação de 311 metros de tubulação nova que vai levar água, principalmente para os moradores da Travessa do Deserto, que há mais de cinco anos sofrem com a falta de água. Para viabilizar o trabalho da Compesa, a vereadora contou com a parceria dos deputados Zeca e Júlio Cavalcanti que ajudaram na máquina para abrir as valas para colocação dos novos tubos.

Carnaval cancelado – O prefeito de Tupanatinga, Silvio Roque (PP), foi notificado pelo Tribunal de Contas do Estado, assim como todos os prefeitos pernambucanos, e aproveitou para anunciar o cancelamento do Carnaval 2018 no município. O ofício do TCE recomenda aos prefeitos a não realização de despesas com o Carnaval quando a folha de pessoal estiver em atraso. O atraso não refere-se apenas aos servidores efetivos, mas também a comissionados e contratados, embora que tem vereador em Arcoverde que diz que contratados não são funcionários. São, e estão com salários atrasados.

Batendo porta – Embora digam que a política e o ano só começam após o Carnaval, informações e testemunhos dão conta de que a ex-prefeita Rosa Barros (PR), já estaria circulando pela cidade com antiga companheira de lutas, batendo de porta em porta. Sob o comando do palácio, veio reforçar o apoio ao governador recordista (de violência) visitando os amigos e amigas. A ex-prefeita tem um cargo no governo socialista. Na última campanha para prefeito, a ex-prefeita andou até de carroça para pedir voto para um vereador que não chegou à Casa James Pacheco.

Buíque: Remédios à vista – Após o Carnaval, que é quando deve ser concluído todo o processo licitatório, nenhuma pessoa em Buíque vai poder reclamar da falta de medicamentos nos postos de saúde e na farmácia básica do município. É que no próximo dia 30 de janeiro, acontece o Pregão Presencial nº 011/2018 que prevê a contratação de empresa para aquisição de medicamento e material médico, para atender as necessidades da secretaria de saúde no município de Buíque. A licitação tem o valor máximo estimado de R$ 4.081.058,60 – (quatro milhões, oitenta e um mil, cinquenta e oito reais e sessenta centavos). Será que ainda vão dizer que falta remédio por causa da crise?

Buíque: Rompimento na folia – Às vésperas do Carnaval, a presidente da Câmara de Vereadores de Buíque, Corina Galindo, pode anunciar já na primeira sessão de 2018, nesta quinta-feira (01) seu rompimento político com o prefeito Arquimedes Valença (PMDB). A parlamentar reclama da falta de atenção do governo e de algumas secretarias que fecham as portas aos vereadores. Corina já foi reeleita presidente da Câmara para o biênio 2019/2020, lhe assegurando uma situação estável na casa.

Nome sujo – O deputado federal e presidente do Partido Progressista em Pernambuco, Eduardo da Fonte, filiou, nesta semana, o presidente da Câmara dos Vereadores de São Lourenço da Mata, Denis Alves. Alves também anunciou a pré-candidatura a deputado estadual para a Assembleia Legislativa de Pernambuco, nas eleições de outubro. Denis foi um dos responsáveis pela pressão que culminou com o afastamento do prefeito Bruno Pereira (PTB). No entanto, o mesmo coleciona uma penca de processos na justiça, entre eles o de estelionato, pelo qual 12, dos 15 vereadores da Câmara Municipal, pediram sua cassação.

Governo perseguidor – Presente no encontro das oposições em Petrolina, a prefeita de Caruaru, Raquel Lyra (PSDB), reforçou o coro contra o comportamento do governo Paulo Câmara (PSB), com relação à destinação de verbas para os municípios. Na sua avaliação, a gestão socialista governa “a partir da bandeira partidária que está fincada nas prefeituras”. Raquel falou que o governo “persegue” e “exclui aqueles que se contrapõem”. Para ela, a população também sente a ausência do poder público estadual.

Garoto propaganda – Ciro Gomes (PDT) vai apoiar Túlio Gadêlha (PDT), namorado da apresentadora Fátima Bernardes, na corrida à Câmara dos Deputados por Pernambuco. A informação é do jornal O Povo. Da última vez que tentou uma vaga na Casa, em 2014, Gadelha teve 3.495 votos. A marca foi insuficiente para lhe garantir uma cadeira no parlamento. O namoro com a apresentadora, por enquanto, inflou a conta de Instagram do jovem. Gadêlha ganhou 160 mil seguidores na rede social de fotos em apenas dois meses.

Foto Denúncia – Essa vem da Rua Felix Paschoal, no bairro do São Cristóvão, aonde uma galeria estourada derrama lama e fedentina há mais de duas semanas prejudicando os moradores. A denúncia é do líder comunitário Giovane Mendes que flagrou a bagaceira oficial.

 

Veja Também

Maia e ministro da Defesa discutem intervenção no Rio

                  O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *